Dia do Rock

Dia do Rock

13 de Julho não é um dia qualquer, é Dia do Rock.
Como não poderia deixar de ser é um dia muito especial para a Backdoor e a sua comunidade. Não é a toa que o que mais se ouve na loja da rua 4 é… ROCK.
Então mas como é que o Dia do Rock é a 13 de julho e não numa data qualquer, perguntam vocês e muito bem.
13 de Julho de 1985, Bob Geldof organizou o Live Aid, um show simultâneo em Londres, na Inglaterra, e na Filadélfia, nos Estados Unidos. O objetivo principal era o fim da fome na Etiópia. O evento chamou a atenção por contar com a presença de muitos artistas famosos na época. Entre os participantes, estavam The Who, Status Quo, Led Zeppelin, Dire Straits, Madonna, Queen, Joan Baez, David Bowie, BB King, Mick Jagger, Sting, Scorpions, U2, Paul McCartney, Phil Collins (que tocou nos dois lugares), Eric Clapton e Black Sabbath.

Neste dia fazia-se história, nesse dia um movimento ganhava muito mais ênfase, muito mais energia do que as guitarras e as baterias (as melhores na altura) conseguiam transmitir a todos os espectadores e a todos os sonhadores que não conseguiram estar presente mas que acompanharam religiosamente na TV.  Para muitos o melhor concerto dos Queen, com a mítica performance do saudoso Freddie Mercury. Hoje podes ver o filme Bohemian Rhapsody onde tens uma boa explicação de todo o movimento da banda e este evento. Mas aqui não estamos para falar de cinema.

Falamos sim do Dia de Rock, de todas (não conseguimos nem tinhas paciência para aturar tanta coisa) as bandas que foram influentes para o crescimento deste género musical e acima de tudo definição de um estilo de vida. Quantas vezes já ouviste falar de alguém que é referenciado por ser uma pessoa muito do rock. Não quer dizer propriamente que apenas seja um viciado neste género musical, mas sim porque tem uma atitude de querer fazer e sem ter qualquer medo para que algo corra mal. Que seja destemido, que seja um verdadeiro explorador de adrenalina. Pois um grande exemplo disso são os próprios concertos de Rock, alguma vez viram alguém especado a ver um concerto sem se mexer?
Para continuar com a história de grandes neste mundo, temos o grande Ozzie (cantor dos Black Sabbath) não digas que não conheces pois existe muitas malhas que serviram de inspiração para criação de outras formas de arte. Um cantor único, que foi chamado do Pai do Rock, no entanto o Pai do Rock em Portugal é o nosso grande Rui Veloso (malta sim, é verdade, ele quando era mais novo “rockava” MUITO).

Onde é que a música , mais propriamente o Rock e o mundo da Roupa se juntam, bem isso dava muito mais caracteres do que eu estou com vontade de escrever, mas posso dizer que em TUDO. Por exemplo e muito rápido, alguma vez perderam 5 minutos para verem a evolução ao longo dos anos 80 até aos dias de hoje de James Hetfield (cantor dos Metallica, outra banda Rock, um bocadinho mais pessado), é apenas mais um dos muito s exemplos que a roupa teve influência na musica e vice versa, pois a aprendizagem é sempre feita nos dois sentidos.

Por isso malta apenas para terminar, se queres ter o teu estilo bem definido com a influência que a música te transmite, a roupa é sempre o primeiro fio condutor da definição do teu estilo da tua atitude.
Por falar nisso, sabes bem onde podes completar esse teu estilo, sê tu mesmo, sempre.

 

Partilhar este artigo

Utilizamos cookies para personalizar o conteúdo e anúncios que te apresentamos assim como para analisar o tráfego do nosso website. Também partilhamos a informação sobre como usas o nosso website com as nossas redes sociais e parceiros de análise para melhor te servir. View more
Aceitar
× Olá, como posso ajudar?